Quarta-feira, 15 de Maio de 2013

Em muitos hospitais por esse mundo fora os pacientes estão no hospital deitados em cama ou mesmo em macas. Mas esse mundo de luxo e ostentação está prestes a terminar. O Executivo pretende reduzir o número de camas do Hospital de Beja atribuindo-as aos pacientes que tiverem a melhor performance nos recém criados “Jogos Hospitalares 2013” – uma espécie de “Jogos sem fronteiras” mas com diabetes tipo 2. Os pacientes terão de ultrapassar provas desportivas como o “lançamento do balão de soro”, os “100 metros arrastadeiras”, “luta greco-romana com um enfermeiro obeso”, “Grande Prémio da Rampa de Acesso às Urgências em Cadeira de Rodas”, “Tiro ao médico espanhol”, “Jogo da malha com seringas” e “Malabarismos com recém nascidos”. Depois de ultrapassar estas etapas de atividade física e diversão garantidas, os pacientes melhor classificados deverão responder corretamente a 125 perguntas sobre literatura escandinava do Séc. XIX. 

 

Texto publicado na página Não confirmo, nem desminto do Diário do Alentejo
Também disponível no Facebook


publicado por Ricardo Cataluna às 13:14 | link do post | Não confirmo, nem desminto

mais sobre mim
Novembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30


posts recentes

Depois do lançamento dos ...

Na edição alentejana do M...

Ministério da Educação en...

Vendedor cigano comercial...

Câmara de Beja proíbe a c...

Salão do Cavalo em Beja c...

Internet no Alentejo

Crise: Jihadistas só admi...

51 suínos apreendidos na ...

População da Amareleja pr...

Meme #2 - O Adolfo gosta ...

A carta (the letter) de M...

Escândalo de fotos privad...

Meme #1 - Titanic

Investigação Não confirmo...

arquivos
Contacto
Mail
links
subscrever feeds
blogs SAPO